TEOLOGIA DA ESPERANÇA A PARTIR DA PRÁTICA

 

Missão São Bento

 

Neste último domingo, dia 02de agosto, os missionários da Inclusão marcaram presença na Missão São Bento. Nesta, foram visitadas algumas famílias que ocupam terrenos na esperança de conseguirem um pedaço de terra. Para alguns, eles são apenas “alonados”, mas para nós, eles são uma pequena parcela do Povo de Deus esquecido por um sistema excludente. Além da visita, os missionários entregaram quites de verduras e folhas, fruto de doações dos produtores do CEASA.

A visita a essas famílias mostrou que a missão da Igreja é ainda muito grande, pois ainda há muito por fazer se se quiser pre-visualisar o Reinado de Deus. Apesar da carência material, observou-se que algo a mais os movia, a esperança em Deus. A experiência com eles foi uma verdadeira aula de “teologia da esperança”, nem Moltmann teria tanto material para descrever a esperança como foi observado naquele dia.

Ademais, os missionários foram acolhidos pela família do Sr. Luiz e sua esposa Maria. Esse gentil casal que está conosco desde a fundação da missão, gentilmente nos cedeu a sua casa para que a Feira da Pechincha e a celebração eucarística pudesse acontecer. Isso sem falar do delicioso almoço oferecido pelo casal.

Enfim, em mais um dia de visita, descobrimos na práxis da libertação uma teologia da esperança que brota do suor e das lutas da vida; descobrimos a veracidade que há na expressão teológica “o resto de Israel” ao olhar para nossas famílias da Comunidade São Bento; descobrimos um Deus que se oculta no pequeno e se revela na simplicidade do sorriso das crianças que nem precisam do batismo para tal revelação.

Missão São Bento - Distrito Missionário Anglicano.

Matéria e foto de ML Victor Hugo